CONTAF

This blog is written by the Applied Arts/ Ceramics undergraduate course staff, at the Federal University of São João del-Rei, Brazil. We'd like to share our experience, our work and research results and, of course, present our place and introduce you our people.



No ano de 2010 o curso de Artes Aplicadas recebeu o CONTAF - Congresso Nacional de Técnicas para as Artes do Fogo, principal evento na área da cerâmica e que foi realizado nas dependências da UFSJ, dias 20, 21 e 22 de outubro.



segunda-feira, 25 de março de 2013

Curso de Artes Aplicadas: ênfase em Cerâmica da UFSJ é credenciado com nota máxima pelo MEC

Curso de Artes Aplicadas: ênfase em Cerâmica da UFSJ é credenciado com nota máxima pelo MEC 

 Entre os dias 25 e 27 de fevereiro a UFSJ e a coordenação do Bacharelado em Artes Aplicadas: Ênfase em Cerâmica composta pelo coordenador Kleber Silva e pela vice-coordenadora Zandra Miranda,receberam a comissão do MEC para a avaliação de credenciamento do curso. O resultado foi divulgado no dia 04 de março e a proposta inovadora no cenário nacional foi avaliada com nota 5, ou seja, conceito máximo na escala adotada pelo Ministério da Educação.


Segundo o professor Ricardo Coelho, responsável pela análise do Projeto Pedagógico Original, bem como pelo encaminhamento dos trabalhos de reestruturação do novo PPC, adotado a partir do 2º semestre de 2010, “o presente resultado deve ser creditado, em grande parte à postura crítica dos alunos do curso, em especial, da primeira turma que ingressou no ano de 2009. Ao final do primeiro ano letivo houve uma avaliação coletiva presencial motivada pelo prof. Kurt Streker do DEMEC, então coordenador pró-tempore do curso. Todos os alunos participaram ativamente, levantando uma série de problemas que foram anotados detalhadamente pela professora Zandra Miranda e por mim.”


“Após essa reunião ficou evidente que haviam ajustes a serem feitos na estrutura curso”, comenta o professor Ricardo Coelho. No início de 2010 a professora Zandra Miranda se tornaria coordenadora e o professor Ricardo Coelho vice coordenador, encaminhando oficialmente uma análise detalhada do PPC original a partir dos pontos levantados pelos alunos.


Segundo Ricardo Coelho “o PPC original possuía um conceito diferenciado que partia de Projetos de Pesquisa e de Extensão no campo da cerâmica já desenvolvidos com sucesso pela própria UFSJ em outras regiões do estado de Minas Gerais, bem como de uma sensível análise da região e de suas manifestações artísticas e artesanais. O problema era uma nítida discrepância entre os dois principais núcleos do curso, ou seja, entre o núcleo de Arte/Design e o Núcleo Profissional. Isso ficou evidenciado pela avaliação coletiva dos alunos.”


Para a atual coordenação “o grande diferencial do Bacharelado em Artes Aplicadas é reunir numa mesma grade curricular aspectos técnico-científicos e artístico-culturais, o que permite uma condição singular para que o futuro egresso possa construir sua autonomia profissional, gerindo seu próprio ateliê de cerâmica artístico-artesanal ou uma pequena cooperativa cerâmica, já que o curso oferece também um Núcleo de Gestão e Empreendedorismo.”


Para Ricardo Coelho, a revisão do PPC aprovada oficialmente no inicio de 2011 foi determinante para o credenciamento do Curso com a nota máxima. “Essa nota não deve nos deixar acomodados, sabemos que há problemas, temos consciência que nosso curso está distante do ideal e isso se evidencia, novamente, pelas avaliações semestrais dos nossos alunos. Por outro lado essa nota serve para indicar que estamos no caminho certo, além é claro de comprovar a relevância do projeto para a cidade de São João del-Rei e região”

Em outubro de 2012 o NDE do Curso de Artes Aplicadas apresentou duas novas propostas de Avaliação Continuada: a avaliação semestral, cuidadosamente elaborada pela professora Luciana Beatriz Chagas a partir de critérios adotados pelas comissões de avaliação do MEC e o Canal Aberto. Segundo a professora Luciana, “afinar os sistemas de análises, bem como tornar isso disponível em forma de documentos oficiais para qualquer interessado vai gerar subsídios para a própria coordenação e futuros alunos do Curso de Artes Aplicadas.


Em relação à avaliação do MEC em si, além de todo o suporte fornecido pela direção da UFSJ representada pela Reitora Valeria Kemp, bem como pelas equipes técnicas da UFSJ, em especial Márcio Eugênio, um momento foi destacado pela própria comissão segundo o coordenador Kleber Silva: “a reunião com o corpo discente deixou a comissão muito impressionada. Estava previsto uma conversa com duração de uma hora e a mesma se estendeu por duas horas seguidas. Os alunos de todas as turmas compareceram em peso e independentemente de críticas ou elogios feitos, mostraram maturidade e uma intensa sensação de pertencimento.”


A proposta do curso de Artes Aplicadas da UFSJ é inédita no Brasil, e apesar deste conceito existir em países da Europa e Estados Unidos há muitos anos, trata-se, sem dúvida, de um marco para a Instituição e para a Educação Superior no Brasil.


Mais informações sobre o curso no site www.ufsj.edu.br/artes


Lúcia Ficta de Veras – crítica de arte e jornalista

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Inauguração do LEC - Laboratório Escola de Cerâmica da UFSJ

Foi inaugurado, na última quarta-feira 7, o prédio do Laboratório Escola de Cerâmica da UFSJ, no Campus Tancredo Neves (CTAN). A construção, orçada em R$507 mil, contou com o apoio da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais, através da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig). “Esse prédio é muito importante, tanto para o curso de Artes Aplicadas, quanto para as pesquisas do Departamento de Engenharia Mecânica (DEMEC) e Departamento de Ciências Térmicas e dos Fluidos (DCFET)” disse a coordenadora do curso de Artes Aplicadas, Zandra Miranda.

O novo prédio, com 469 metros quadrados, já é referência no Brasil. “É importante ressaltar a qualidade das instalações e equipamentos. Não existe no Brasil nenhum laboratório deste porte. Temos a possibilidade da queima de cerâmica, a partir de minério local, elaborando nossas próprias massas” explica a professora Zandra.

O reitor Helvécio Luiz Reis, que esteve presente no evento, ressaltou que este prédio tem infraestrutura necessária para os projetos serem realizados com qualidade, a exemplo de outras obras realizadas na UFSJ. “Em quatro anos de gestão foram realizadas 103 obras com o gasto de 102 milhões de reais. Todas as estruturas físicas que estamos entregando têm sido reconhecidas pelo Ministério da Educação como referência de qualidade. O Ministério indicou a UFSJ para outras universidades que estão construindo seus laboratórios” disse.


Publicada em 12/12/2011
Fonte: ASCOM

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Trabalhos da disciplina "Modelagem e Conformação Cerâmicas" - 4° período - Profa. Luciana Chagas

Jane Mary Arruda de Freitas

Jane Mary Arruda de Freitas

Fernando Pedersini

Fernando Pedersini

Tereza Raquel Rezende Frazao

Suelaine Maria de Melo Nascimento

Suelaine Maria de Melo Nascimento

Walter Francisco de Assis
Posted by Picasa

Trabalhos da disciplina "Modelagem e Conformação Cerâmicas" - 4° período - Profa. Luciana Chagas

Walter Francisco de Assis

Barbara Anderaos

Barbara Anderaos

Elaine Cristina Ribeiro Chaves

Josylainy Cristina Ferreira

Diego Cristian da Silva

Diego Cristian da Silva

Ronaldo Santana
Posted by Picasa

Trabalhos da disciplina "Modelagem e Conformação Cerâmicas" - 4° período - Profa. Luciana Chagas



Jose Dimas de Sousa

Marilene Alair da Silva

Francisco Alessandri

Francisco Alessandri

Rubens de Britto Correia

Cassia Gabriela do Nascimento

Bruna Fernanda Wolf

Bruna Fernanda Wolf
Posted by Picasa

terça-feira, 15 de março de 2011

Jackson Li na UFSJ

O ceramista chinês Jackson Li, que está no Brasil para participar do 1° Encontro Internacional de Ceramistas da USP foi convidado a visitar Minas Gerais e esteve presente a um encontro promovido pelo curso de Artes Aplicadas da UFSJ.
No dia 14/03/2011, ele apresentou seu trabalho como artista plástico, professor e findador do Sanbao Institute, em Jingdezhen (China).
O Sanbao Institute é uma vila artística, no coração da cidade da porcelana. Promove residências artísticas e intercâmbios culturais com o mundo todo.
Foi realizada uma "mesa-redonda" com a presença de Ralph Justino, Prof. Rogério Godoy, Jackson Li, Profa. Zandra Miranda, Adelaine Nogueira, Sebastião Pimenta e Profa. Luciana Beatriz Chagas (da esquerda para a direita).

Falou-se também das impressões de Jackson Li sobre São João del Rei e a produção dos artistas e artesãos da cidade, fazendo um paralelo com a cidade de Jingdezhen, que é conhecida por seus muitos ateliês de cerâmica artesanal.
Ao Final, Jackson Li convidou os estudantes do curso de Artes Aplicadas da UFSJ para uma foto coletiva.
Posted by Picasa

domingo, 7 de novembro de 2010

Oficinas do Contaf 2010

O Contaf 2010 teve uma intensa programação de oficinas práticas. Eu não consegui ver todas, mas apresento algumas que tive a oportunidade de registrar:
No primeiro dia, a ceramista Lu Leão, de São Paulo, apresentou uma palestra sobre a queima saggar.
O professor Ricardo Minoro e a professora Fernanda Moreira, do SENAI Mário Amato (SP) apresentaram uma palestra sobre Confecção e Esmaltação de Painéis Cerâmicos.

A ceramista Nádia Saad deu um workshop de intervenções em manilhas de barro pré-fabricadas.

Os congressistas puderam trabalhar as manilhas inclusive no torno.

A artista plástica Máyy Kofler, de São Paulo, deu um workshop de técnica de paleteado. Um sucesso!
Acima, Máyy mostra o material didático do workshop.
O ceramista César Barbosa, de São Paulo, deu a oficina "Dominando o Torno".

O artista italiano Giorgio Pacchioni deu uma oficina de modelagem de ocarinas de cerâmica.

Acima, as ocarinas de Giorgio Pacchioni.
O ceramista Maurício Flausino, de São Paulo, deu a oficina "Deformando a Forma - peças quadradas e ovais no torno". Ao fundo, peças de sua autoria.

Detalhe da demonstração de Maurício Flausino.
Fotos: Luciana Chagas.
Posted by Picasa